Flagra: Citroën C4 Cactus nacional terá plataforma BVH1 usada por 208, 2008, Aircross e C3

Posted on

O Citroën C4 Cactus nacional será construído a partir da plataforma BVH1 já usada pelo Aircross eC3 e e também nos Peugeot 208 e 2008. Chamado de Projeto F3, o SUV francês chegará ao mercado de visual renovado como antecipamos em julho de 2016. A reestilização do Cactus será inspirada nas linhas da nova geração do C3 Aircross que estreou na Europa em junho.

Chegada

Em julho de 2016, os executivos da marca afirmaram que marca lançaria um modelo inédito por ano no Brasil até 2021. Porém, já estamos caminhando para o fim de 2017 e não há movimentação para a chegada do Citroën C4 Cactus nacional. O mais provável é que o modelo estreie somente em 2018. Somente agora os protótipos começam a ser flagrados com maior frequência. O leitor Geraldo Tamarossi fotografou uma unidade rodando no interior de São Paulo.

Motores

O Citroën C4 Cactus terá duas opções de motores no Brasil como nossa reportagem antecipou em julho. O SUV será equipado com o motor 1.6 16V FlexStart e também o 1.6 16V THP. O propulsor aspirado poderá ser acoplado aos câmbios manual de cinco velocidades e o automático também de seis posições. Já o propulsor turbo trabalhará em conjunto somente com a transmissão automática de seis velocidades.

O motor 1.6 16V FlexStart rende potência de 115cv a 5.750 rpm e torque de 16,1 kgfm a 4.000 rpm com gasolina, com etanol a potência é de 118 cv  a 5.750 rpm e o torque é 16,1 kgfm 4.000 rpm.

Já o propulsor 1.6 16V THP rende potência de 166 cv a 6.000 rpm e torque 24,47 kgfm  a 1.400 rpm com gasolina no tanque. Com etanol, a potência é de 173cv a 6.000 rpm e o torque é de 24,47 kgfm a 1.400 rpm.

Tamanho

Apesar de usar a plataforma compacta BVH1, as medidas do modelo nacional serão idênticas as do modelo europeu. O SUV terá 4,16 metros de comprimento, 2,60 m de entre-eixos, 1,73 m de largura e 1,48 m de altura.

Projeção antecipa visual do Citroën C4 Cactus brasileiro

Linhas

Com a reestilização o C4 Cactus perderá os famosos Airbumps como antecipamos em 29 de novembro de 2016. Tirando isso as laterais não terão alterações em relação ao modelo europeu. As portas também manterão o mesmo formato.

Na dianteira, o SUV terá conjunto óptico duplos, o principal é mais estreito, inspirado na nova geração do C3 Aircross europeu. O duplo chevrón fica destacado na grade que faz jogo com os faróis principais. O para-choque terá entrada de ar divididas em duas partes para o abrigo da placa de identificação.

Modelo brasileiro perderá os Airbumps das laterais como nossa reportagem antecipou em novembro de 2016

Já na parte de trás, o Citroën C4 Cactus terá novo para-choque mais robusto e lanternas traseiras com efeito tridimensional.

Interior

De acordo com nossas apurações, o Citroën C4 Cactus nacional perdeu muita coisa no acabamento interno em relação ao modelo europeu. Os painéis de porta foram simplificados. Já o painel é outro e o SUV ganhará uma nova central multimídia instalada na parte central.

Fotos | Geraldo Tamarossi
Projeções | Du Oliveira/Especial para o Autos Segredos

Flagrou algum carro diferente, camuflado, com placas verdes (ou tudo isso) ou ainda tem alguma informação interessante e quer contribuir com o Autos Segredos? Envie para o e-mail [email protected] Ou ainda pelo nosso WhatsApp (31) 99547-4805.

Com a reestilização o C4 Cactus perderá os famosos Airbumps como antecipamos em 29 de novembro de 2016. Tirando isso as laterais não terão alterações em relação ao modelo europeu. As portas também manterão o mesmo formato.

Na dianteira, o SUV terá conjunto óptico duplos, o principal é mais estreito, inspirado na nova geração do C3 Aircross europeu. O duplo chevrón fica destacado na grade que faz jogo com os faróis principais. O para-choque terá entrada de ar divididas em duas partes para o abrigo da placa de identificação.

Modelo brasileiro perderá os Airbumps das laterais como nossa reportagem antecipou em novembro de 2016

Já na parte de trás, o Citroën C4 Cactus terá novo para-choque mais robusto e lanternas traseiras com efeito tridimensional.

Interior

De acordo com nossas apurações, o Citroën C4 Cactus nacional perdeu muita coisa no acabamento interno em relação ao modelo europeu. Os painéis de porta foram simplificados. Já o painel é outro e o SUV ganhará uma nova central multimídia instalada na parte central.

Fotos | Geraldo Tamarossi
Projeções | Du Oliveira/Especial para o Autos Segredos

Flagrou algum carro diferente, camuflado, com placas verdes (ou tudo isso) ou ainda tem alguma informação interessante e quer contribuir com o Autos Segredos? Envie para o e-mail [email protected] Ou ainda pelo nosso WhatsApp (31) 99547-4805.